ManEater



Neste review, vou apresentar o ManEater, jogo da desenvolvedora Tripwire Interactive, lançado em 22 de maio de 2020. A desenvolvedora (e publicadora) é pouco conhecida, mas que fez um excelente trabalho neste game multiplataforma.

O que precisa para um jogo ser bom? Grandes recursos gráficos? Investimento milionário? Nada disso. Basta ter diversão. “Ok. Mas como a Tripwire Interactive conseguiu isso?”. A resposta é simples, com TUBARÕES!


Jogabilidade

ManEater é um game com boa jogabilidade, gráficos bons e som nem tanto, mas tem uma boa dose de repetições. O mundo é composto por diversos distritos e basicamente sua missão é viver na pele de um tubarão cabeça-chata, comendo para sobreviver, evoluir, desafiar inimigos e fazer nossa alegria na matança. O mundo marítimo é bem vivo, rico em fauna e flora, com inimigos diferentes em cada distrito.


Evolução

No início você começar com um tubarão bebê e com o passar do tempo e tarefas sendo cumpridas, o tubarão vai evoluindo, ficando maior, mais agressivo, ganhando novas habilidades e porque não, aumentando sua fome! Comer peixes e outros animais te garante recursos (carne, gordura e minerais) que podem evoluir as partes do tubarão.


Piada do redator: “Olha como é lindo, um baby shark! Posso levar pra casa, mãe?!”

Baaabyyy Shark tchururu... errr...essa música nãooo!!!!


Voltando ao assunto... bem, ao desenvolver e conhecer os comandos básicos do tubarão como morder, nadar mais rápido e até dar um golpe com a cauda, o jogador é solto em um ambiente maior e natural, com outros peixes e animais marinhos, sendo alguns inimigos.

O jogo tem uma evolução incrível e logo você está se tornando um tubarão adolescente e depois adulto, com mais força e tamanho, podendo comer de forma mais rápida e fácil suas presas.

Interface

A interface do jogo é bem simples. Podemos escolher algumas partes como corpo, mandíbula e cauda, e com a evolução outras partes vão desbloqueando. Visualmente essas partes mudam a aparência do nosso tubarão e isso faz toda a diferença!


Campanha e atividades

O game tem uma campanha de aproximadamente 20 horas, um tempo deveras BOM para um jogo single player, mas esse tempo pode ser aumentado se você for obcecado por fazer caçadas! Sim, existe um minigame que é combater os caçadores de tubarões, são 10 ao todo e você pode fazer um a um, enquanto puder, pois a cada caçador-alvo morto, os demais caçadores (e seus barcos) virão maiores e mais fortes também.

E ainda temos mais inimigos! Sim, são eles crocodilos, outros tubarões, peixes-espadas e alguns segredos que vou deixar vocês jogarem para conhecer.

Cada tipo de inimigo tem um “ápice” que seria o líder da gangue, se você derrotá-lo, terá uma boa recompensa. Basta cumprir todas as missões do distrito e você vai encontrar esses animais medonhos.



Por fim, a evolução do tubarão passa por mais algumas fases, até chegar ao tamanho máximo (Spoiler: MEGATUBARÃO!) e todos as partes podem ser equipadas e evoluídas.

Cada parte do corpo tem 5 evoluções, então quanto mais recursos, mais poderoso seu "tuba" fica.

Nota do redator: “Fala sério! Dá medo, não dá?!”


Conclusão

A diversão é garantida. Existe um pouco de repetição? Sim, mas fazer a mesma atividade com mais “poderes” é de certa forma diferente. ManEater é uma grata surpresa, e é uma bola dentro da Tripwire. Parabéns ao time. Sobre o futuro, já foi anunciado uma expansão para ManEater, de nome Trusth Quest, mas por enquanto, não tem mais informações.


Plataforma: Xbox, Nintendo Switch, Playstation e PC Gamertag: IvanPFilho

20 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Tunic